FPF expressa a "mais profunda solidariedade" a Christian Eriksen

UEFA confirmou que Eriksen "está estável e foi transferido para um hospital" de Copenhaga, depois de ter desmaiado e recebido tentativas de reanimação, aos 43 minutos.

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) manifestou este sábado a "mais profunda solidariedade" a Christian Eriksen, que caiu inanimado no relvado, durante o jogo Dinamarca-Finlândia, da primeira jornada do B do Euro2020, mas já se encontra estável.

"Gostaríamos em nome da Seleção Nacional e da FPF de expressar a nossa mais profunda solidariedade ao jogador Christian Eriksen pelos acontecimentos a que todos pudemos assistir, com enorme choque e estupefação", escreveu o organismo, na página oficial na Internet.

Na nota publicada, assinada pela Seleção Nacional, Equipa Técnica e Comitiva da FPF, que está em Budapeste a preparar a participação no torneio, pode ler-se uma mensagem de encorajamento endereçada à família, seleção dinamarquesa e federação.

"Estendemos a palavra de conforto possível, nesta hora tão difícil, a toda a família do jogador, à equipa nacional e à federação dinamarquesas, desejando ardentemente que o jogador possa recuperar, o mais depressa possível e plenamente, de um infortúnio tão grave como injusto. Força Eriksen!", concluiu.

Entretanto, a UEFA confirmou que Eriksen "está estável e foi transferido para um hospital" de Copenhaga, depois de ter desmaiado e recebido tentativas de reanimação, aos 43 minutos, quando se registava o 'nulo' no marcador.

O árbitro inglês Anthony Taylor acabou por apitar para o intervalo e, após cerca de 10 minutos a receber assistência, Eriksen abandonou o relvado de maca, rodeado pelos restantes jogadores, visivelmente abalados e consternados com a situação.

O jogo foi interrompido, mas a UEFA anunciou que vai ser retomado a partir das 19h30 (hora de Lisboa).

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O EURO 2020

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de