"Portugal é o meu país, a Coreia do Sul a minha segunda casa"

Jogo entre Portugal e a Coreia do Sul está a ser aguardado com grande expectativa no país, onde os sul-coreanos "são loucos pelo campeonato do mundo de futebol".

Andreia Carvalho é portuguesa e vive na Coreia do Sul desde 2019. A estudante, de 30 anos, está a tirar um doutoramento em Educação Multicultural. Em declarações à TSF, Andreia conta que, por estes dias, tem o coração dividido: o jogo entre Portugal e Coreia do Sul, para o Campeonato do Mundo de Futebol provoca-lhe sentimentos mistos. Ainda assim, admite que, com a seleção das quinas já apurada para a próxima fase, está a torcer um pouco pela vitória sul-coreana. Afinal, diz, "Portugal é o meu país, mas a Coreia [do Sul] é a minha segunda casa".

O jogo está a ser aguardado com grande expectativa no país, onde os sul-coreanos "são loucos pelo campeonato do mundo de futebol". 20 anos depois, Portugal e Coreia voltam a defrontar-se para o Campeonato do Mundo e, por isso, este é " um jogo especial", diz Andreia.

O Portugal Coreia do Sul começa quando for meia-noite em Seul. Andreia Carvalho vai assistir ao encontro num bar da capital, reservado pela embaixada portuguesa. Com ela vai estar o namorado sul-coreano, que teve de ser "convencido para ver o jogo no meio de portugueses". Ficará ele zangado em caso de vitória lusa?

"No jogo contra o Gana [o primeiro da fase grupos], ele viu os meus níveis de stress e foi a primeira vez que me viu envolvida verdadeiramente no jogo de futebol e, na brincadeira, diz que se alguma vez nos separarmos será por causa do futebol".

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de