Motor de Martínez demorou, mas arrancou com bis de Ronaldo. Portugal goleia Liechtenstein

Cristiano Ronaldo bisou, enquanto João Cancelo e Bernardo Silva completaram o resultado. Veja os golos.

A bola parada de Cristiano Ronaldo oleou o novo sistema na estreia de Roberto Martínez. Portugal goleou o Liechtenstein por 4-0, na primeira partida da fase de qualificação para o Euro 2024.

João Cancelo abriu o marcador logo no início do jogo, mas a primeira parte deixou algo a desejar da parte da seleção nacional. Contudo, uma entrada mais incisiva no segundo tempo fez com que Portugal chegasse à goleada, com um golo de Bernardo Silva e um bis de Ronaldo.

No primeiro onze de Roberto Martínez há duas novidades: o sistema de três centrais e a estreia de Gonçalo Inácio de quinas ao peito. Na frente, Cristiano Ronaldo retoma a titularidade, consumando-se assim como o jogador com mais internacionalizações em todas as seleções mundiais.

Na estrutura mais recuada da equipa, Danilo surge mais à direita, com Rúben Dias ao meio. Pelo lado esquerdo aparece, sem surpresa, Gonçalo Inácio.

O jogo não trouxe novidades. Portugal tinha a bola durante a maior parte do tempo, enquanto o Liechtenstein limitava-se a defender e a afastar o perigo. O problema é que as redes do micro-estado da Europa central balançaram logo aos oito minutos. Canto batido no lado direito, Buchel afasta para a entrada da área, onde aparece João Cancelo a disparar para o golo. A bola ainda desvia num defesa adversário antes de entrar na baliza.

Apesar do golo, o rumo da partida não mudou. Aos 12 minutos, bola longa para a área, Cristiano Ronaldo toca de cabeça para Danilo e o defesa cabeceia ao lado. Pouco depois, foi João Félix a receber uma bola na área e disparar de primeira, mas desta vez Buchel defendeu.

Se Cristiano Ronaldo entrou em campo à procura de golos, falhou uma grande oportunidade aos 22 minutos. Depois de receber a bola sozinho dentro da área, rodou e rematou muito por cima da baliza.

A posse de bola portuguesa e as oportunidades de golos sucediam-se, mas o segundo golo nem vê-lo. Exemplo disso foi o remate de João Palhinha para uma boa intervenção de Buchel.

A partida foi para intervalo com 1-0, mas o resultado durou pouco na segunda parte. Com dois minutos jogados, Bernardo Silva ganha uma sobra dentro da área e remata para o segundo golo de Portugal.

Praticamente na jogada seguinte, João Cancelo furou pela direita e entrou na área, onde foi derrubado. Penálti assinalado e cobrado por Cristiano Ronaldo que fez o 3-0 para Portugal.

Portugal acelerou claramente no segundo tempo, principalmente com variações rápidas de flanco que deixavam a linha defensiva do Liechtenstein descompensada.

Aos 58 minutos, Cristiano Ronaldo voltou a marcar, mas desta vez não contou. Bola para a área, onde João Félix serviu o capitão da seleção, que introduziu a bola na baliza. Contudo, o avançado português estava em fora de jogo.

Num livre muito perto da área, Cristiano Ronaldo lançou uma bomba em direção à baliza. Grande remate do capitão português para o 4-0 a favor de Portugal.

A tónica do jogo era sempre a mesma: Portugal atacava e criava ocasiões de golo, enquanto o Liechtenstein defendia e tentava evitar números ainda maiores no resultado.

Entre bolas nos postes, defesas do guarda-redes do Liechtenstein e remates para fora, a partida acabou mesmo com a goleada de Portugal por 4-0, no jogo de estreia de Roberto Martínez. A seleção nacional volta a entrar em campo no domingo, frente ao Luxemburgo.

Onze de Portugal: Rui Patrício, Rúben Dias, Danilo, Gonçalo Inácio, Cancelo, João Palhinha, Bruno Fernandes, Raphaël Guerreiro, Bernardo Silva, João Félix e Cristiano Ronaldo.

Onze de Liechtenstein: Buchel; Sandro Wolfinger, Malin, Traber, Hofer, Meier, Frommelt, Wieser, Hasler, Gassner e Sele

Suplentes de Portugal: José Sá, Celton Biai, Dalot, António Silva, Nuno Mendes, Palhinha, Otávio, João Mário, Rúben Neves, Vitinha, Gonçalo Ramos, Rafael Leão e Diogo Jota.

Suplentes de Liechtenstein: Ospelt, Lo Russo, Beck, Marco Wolfinger, Luchinger, Netzer, Frick, Kardesoglu, Lorenz, Yildiz, Fabio Wolfinger, Marxer.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de