Ronaldo pede desculpa por arremessar telemóvel de adepto. Polícia britânica investiga incidente

O episódio aconteceu a caminho do túnel de acesso aos balneários de Goodison Park. Cristiano Ronaldo pediu desculpa pela "explosão" e convidou o jovem adepto do Everton a assistir a um jogo em Old Trafford como "sinal de desportivismo".

O futebolista português Cristiano Ronaldo pediu no sábado desculpa por ter retirado bruscamente o telemóvel da mão de um adepto e atirar o aparelho com violência ao chão, após a derrota (1-0) na visita do Manchester United ao Everton.

"Nunca é fácil lidar com as emoções em momentos difíceis como os que atravessamos. Porém, temos de ser sempre respeitadores, pacientes e dar o exemplo para todos os jovens que gostam de futebol", lê-se numa mensagem do avançado numa rede social.

O episódio aconteceu já a caminho do túnel de acesso aos balneários de Goodison Park. Com a derrota, o United encontra-se no sétimo lugar da Liga inglesa, com os mesmos 51 pontos que o sexto, o West Ham.

Além do pedido de desculpa pela "explosão", Ronaldo convidou o jovem adepto do Everton a assistir a um jogo em Old Trafford como "sinal de desportivismo".

A polícia britânica já está a investigar o incidente.

"Quando os jogadores estavam a abandonar o recinto de jogo, foi reportado que um rapaz foi abordado por jogador da equipa visitante. Está a decorrer uma investigação, já pedimos as imagens vídeo ao Everton e vamos falar com as testemunhas para estabelecer se houve uma ofensa", revelou este domingo a polícia de Merseyside.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de