Melhores vinhos verdes 2022 premiados em noite de gala vianense

A Grande Medalha de Ouro do concurso anual Os Melhores Verdes, promovido pela Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV), foi atribuída ao Encostas de Melgaço Alvarinho 2020.

Em noite de gala, que decorreu em formato diferente, no Teatro Sá de Miranda, em Viana do Castelo, o Prémio Excelência distinguiu Manuel Pinheiro, que este ano termina o mandato como Presidente da CVRVV, após 22 anos de trabalho meritório e porfiado na evolução e promoção da Região dos Vinhos Verdes, um produto hoje presente em mais de uma centena de países.

O regresso aos tão desejados eventos presenciais decorreu na cidade vianense e contou com a presença da ministra da Agricultura e Alimentação, Maria do Céu Antunes.

O apoio do município local e o reconhecimento pelo papel desempenhado pela cidade na história, com mais de 114 anos, do vinho verde estiveram na base da escolha do inédito palco da cerimónia de entrega de prémios.

Viana do Castelo acolheu a Feitoria Inglesa no século XVI para dessa forma adquirir os vinhos do vale do Lima e do Minho e, em 1785, foi local de reunião dos produtores, reclamando a constituição de uma Região Demarcada, o que só veio a concretizar-se em 1908.

Adesão dos produtores continua em ascensão

Na edição deste ano, estiveram em prova cega 218 amostras, entre as quais o júri destacou 13 vinhos na categoria Ouro e 12 na categoria Prata, com 131 referências a qualificar-se na categoria Honra.

Destacaram-se 156 vinhos em 11 categorias distintas - Vinhos Verdes Brancos; Rosados; Tintos; de Casta; Colheita Igual ou inferior a 2019; Vinhos Verdes Alvarinho; Vinhos Verdes Avesso; Vinhos Verdes Loureiro; Espumantes de Vinho Verde; Aguardentes de Vinho Verde e Vinho Regional Minho - tendo os prémios Ouro e Prata sido atribuídos ao primeiro e segundo classificados em cada categoria. Os prémios Honra contemplaram, aos restantes concorrentes, com pontuação igual ou superior a 80 pontos.

De sublinhar, a crescente aposta no potencial de guarda dos vinhos da Região, com um aumento de 9% nas inscrições em relação aos anos anteriores na categoria Colheita igual ou inferior a 2019, assim como o ressurgimento da categoria Vinho Verde Avesso.

Prémio Enoturismo foi novidade

Para além do aumento do número de amostras a concurso e, no caso das categorias Vinho Verde Branco e Colheita < 2019, o facto de terem sido atribuídos ex aequo dois prémios Ouro, a novidade deste ano foi a atribuição do Prémio Enoturismo.

Para Manuel Pinheiro, trata-se de "uma aposta que tem vinho a fortalecer o território e a sua identidade, com espaços fabulosos que acolhem os visitantes dando a conhecer o que aqui se produz".

No lote dos prémios especiais, voltou a figurar o galardão para a A Melhor Vinha. Trata-se de uma distinção integrada no concurso com o objetivo de apoiar e promover a viticultura de excelência, premiando a sustentabilidade ambiental, social e económica das explorações.

Os vencedores

Grande Medalha de Ouro: Encostas de Melgaço Alvarinho 2020

Categoria Ouro

Vinho Verde Branco: Quinta de Gomariz Grande Escolha 2021

Vinho Verde Branco: Pecado Capital Escolha 2021

Vinho Verde Rosado: Abcdarium Escolha 2021

Vinho Verde Tinto: Quinta da Samoça Vinhão 2021

Colheita < 2019: Quinta de Linhares Reserva Avesso 2018

Colheita < 2019: Marquês de Lara Reserva Avesso 2017

Vinho Verde Alvarinho: Encostas de Melgaço Alvarinho 2020

Vinho Verde Loureiro: Quinta dos Encados Loureiro 2021 Vinho Verde Avesso -- Casa de Vilacetinho Superior Avesso 2020

Vinho Verde de Casta: Quinta da Levada Azal 2021

Espumante de Vinho Verde: Messala Bruto Alvarinho 2019

Vinho Regional Minho: Nórtico Alvarelhão Rosado 2021

Aguardente de Vinho Verde: Dona Paterna Aguardente Vínica XO Alvarinho

Categoria Prata

Vinho Verde Branco: Zulmira Superior 2021

Vinho Verde Rosado: Vale dos Santos Padeiro 2021

Vinho Verde Rosado: Adega de Ponte da Barca Rosado 2021

Vinho Verde Tinto: Quinta São Gião Colheita Selecionada Vinhão 2021

Colheita < 2019: Via Latina Grande Reserva 2018

Vinho Verde Alvarinho: Deu-la-Deu Reserva Alvarinho 2020

Vinho Verde Loureiro: Pequenos Rebentos Escolha Loureiro 2021

Vinho Verde Avesso: Quinta de Linhares Avesso 2021

Vinho Verde de Casta: Casal de Ventozela Arinto 2021

Espumante de Vinho Verde Branco: D. Sancho I Seco Branco 2021

Vinho Regional Minho: Quinta D"Amares Alvarinho 2021

Aguardente de Vinho Verde: Alvarinha Aguardente Vínica Velha Alvarinho

Prémio Enoturismo: Solar das Bouças, em Amares

Prémio "A Melhor Vinha"

Ouro: Monverde Wine Experience Hotel -- Quinta da Lixa

Prata: Quinta de Cabração -- Aveleda

Bronze: Quinta de Lourosa

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de