Alemanha prolonga funcionamento de duas centrais nucleares até meados de abril

O anúncio de Robert Habeck significa que o governo reverteu oficialmente o plano de encerrar as suas centrais nucleares até ao final do ano.

O governo alemão pretende manter duas das três centrais nucleares a funcionar até meados de abril para ajudar a prevenir uma eventual escassez de energia no inverno, disse terça-feira o ministro da Economia e Ação Climática.

O anúncio de Robert Habeck significa que o governo reverteu oficialmente o plano de encerrar as suas centrais nucleares até ao final do ano.

Habeck disse que a decisão de manter a funcionar as duas centrais no sul da Alemanha -- a Isar 2, na Baviera, e a Neckarwestheim, a norte de Estugarda -- no próximo ano é um passo "necessário" para evitar uma potencial falta de energia na rede.

Desde há muito que o partido de Habeck, Os Verdes, se opõe à energia nuclear. Nos últimos meses, contudo, reconheceu que vários fatores poderiam conduzir a uma redução severa do fornecimento de energia dura Net este inverno.

Os partidos da oposição têm defendido a manutenção das centrais nucleares em funcionamento e alguns avançam mesmo a reabertura de algumas já fechadas e a construção de mais.

O plano de encerramento da terceira central que ainda funciona, a Emsland no Estado da Baixa Saxónia, no norte do país, no final do ano mantém-se.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de