Elon Musk anuncia suspensão temporária do acordo para comprar o Twitter

Após o anúncio as ações da rede social caíram quase 20% nas negociações prévias à abertura da Bolsa de Wall Street.

Elon Musk anunciou, esta sexta-feira, a suspensão temporária na intenção da compra do Twitter, enquanto o empresário espera mais detalhes sobre a percentagem de contas falsas existentes na rede social.

"O acordo para a compra do Twitter fica suspenso de forma temporária à espera de detalhes que sustentem o cálculo de que as contas falsas representam menos de 5% dos utilizadores", escreveu o homem mais rico do mundo, CEO da Tesla, na rede social.

Depois da mensagem, as ações do grupo caíram quase 20% nas negociações prévias à abertura da Bolsa de Wall Street. Agora, as ações são negociadas a pouco mais de 36 dólares (34,63 euros), muito abaixo dos 54,2 dólares (52,14 euros) por ação, oferecidos pelo bilionário na proposta de compra.

Até ao momento, o Twitter ainda não comentou a informação.

Elon Musk mencionou a eliminação das contas falsas e a transparência dos utilizadores como questões centrais para a compra do Twitter, uma operação para a qual ofereceu 44 biliões de dólares (42 biliões de euros) no mês passado.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de