Polícia polaca alerta para novas entradas irregulares de migrantes no território

As autoridades militares da Polónia alertaram há dias para um aumento do número de migrantes do lado da Bielorrússia, incluindo crianças e mulheres.

A polícia polaca alertou este domingo para novas entradas irregulares de grupos de migrantes no seu território através da fronteira com a Bielorrússia, indicando que um desses grupos era formado por 50 pessoas.

A entrada no território da Polónia aconteceu durante a noite, junto à cidade de Dubicze Cerkiewne, no leste do país, de acordo com informações de fontes policiais divulgadas através da sua conta no Twitter e citadas pela agência Efe.

Num outro ponto da fronteira foram detidos 22 iraquianos, tendo sido contidas outras tentativas de entrada na zona fronteiriça, onde foi decretado estado de emergência e à qual os meios de comunicação social não têm acesso.

As autoridades militares da Polónia alertaram há dias para um aumento do número de migrantes do lado da Bielorrússia, incluindo crianças e mulheres.

Vários milhares de migrantes, com a intenção de entrar no espaço da União Europeia (UE), estão bloqueados há vários dias junto à fronteira da Bielorrússia com a Polónia.

Esta crise migratória levou já o Iraque a suspender os voos diretos para Minsk, uma decisão que foi seguida pela companhia aérea síria.

Também na sexta-feira, a aviação civil turca anunciou que os cidadãos do Iraque, Síria e Iémen não poderão voar dos aeroportos turcos para a Bielorrússia devido à situação na zona fronteiriça.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de