Um morto em operação antiterrorista na Bélgica

A polícia realizou dezenas de buscas relacionadas com tráfico de armas. Autoridades confirmam ligações à extrema-direita.

Uma pessoa morreu esta quarta-feira na sequência de uma operação antiterrorista em Antuérpia, (a cerca de 45 km a norte de Bruxelas). A informação foi confirmada oficialmente pelas autoridades.

Um porta-voz do Ministério Público da Bélgica, citado pela imprensa local, adianta que esta operação policial está relacionada com o tráfico de armas. Segundo a mesma fonte, foram cumpridos diversos mandados de busca.

A operação incluiu "uma dezena de buscas", uma das quais acabou numa troca de tiros entre a polícia e o proprietário de uma casa, que resultou na morte deste e sobre a qual foi já aberto um inquérito, declarou o porta-voz do Ministério Público de Antuérpia, Eric Van Duyse, citado pela imprensa belga.

A mesma fonte indicou que a operação foi lançada para conter "a preparação do ataque terrorista". Os procuradores indicaram também que "várias armas e munições" foram apreendidas.

As autoridades estão a investigar ligações à extrema-direita e prometem detalhes quando a investigação for concluída.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de