Zelensky quer população preparada para novos ataques russos no inverno

O Presidente ucraniano pede unidade entre os cidadãos ucranianos e maior atenção aos alertas aéreos.

O Presidente da Ucrânia avisou, no domingo, os cidadãos para estarem preparados para as consequências de novos ataques da Rússia, depois de ter acusado Moscovo de usar o frio contra a população.

Volodymyr Zelensky afirmou que as tropas russas estão a preparar novos ataques: "sabemos isso com certeza. E enquanto tiverem mísseis, infelizmente não vão parar".

"Mas a nossa capacidade de nos ajudarmos uns aos outros e de cuidarmos dos mais vulneráveis, a nossa ajuda mútua é um dos elementos de proteção contra o terror, assim como a nossa força", acrescentou, no vídeo que grava diariamente para a população ucraniana.

Neste sentido, pediu mais uma vez unidade entre os cidadãos ucranianos, e maior atenção aos alertas aéreos.

"Juntos e ajudando-nos uns aos outros, superaremos também este desafio da guerra: este inverno, esta tentativa da Rússia de usar o frio contra o povo", considerou.

As declarações do Presidente foram feitas depois de a maioria das regiões do país ter conseguido restabelecer o fornecimento de energia, no domingo, na sequência de bombardeamentos russos contra infraestruturas energéticas, na semana passada.

Também este fim de semana, o secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, acusou o Presidente russo, Vladimir Putin, de tentar usar o inverno como arma.

Stoltenberg lembrou "como é perigoso" para a população europeia "depender da Rússia" para o fornecimento de gás natural.

"Temos agora de avaliar a nossa dependência de regimes autoritários, especialmente da China", indicou o responsável.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de