O cinema tem músicas e a Lisbon Film Orchestra toca ao vivo

A Lisbon Film Orchestra, faz 15 anos e marca o tempo em dois concertos, um no Porto, domingo dia 4 de dezembro, e outro, dia 11 de dezembro, em Lisboa.

O cinema sempre deu grandes músicas aos filmes, e a Lisbon Film Orchestra sempre trouxe esse espetáculo das músicas de filmes e também de séries ao vivo. O maestro Nuno de Sá é o director artisitico da orquestra e a marca destes 15 anos, é também a paixão de trazer para todos, músicas de filmes que marcaram muitas épocas.

Uma orquestra que faz um concerto com a mesma ideia de fazer um concerto de pop ou de rock. O som amplificado de uma orquestra clássica e depois as luzes os efeitos e as imagens de cinema das música que tocam.

Um programa que traz musicas novas, mas também todos clássicos da orquestra, interpretação da série "Stranger Things" , do filme Encanto "Não falamos do Bruno", do filme CODA "both side now" e um reviver com temas como: A Lista de Schindler, Jurassic Park, Frozen 2, West Side Story, entre os clássicos Star Wars, Missão Impossível ou Piratas das Caraíbas.

Este Natal a Lisbon Film Orchestra vai ainda chegar a mais gente, como por exemplo à comundade de surdos onde vai ter no palco o coro as mãos que cantam. O maestro Nuno Sá para além de agitar a batuta quer também agitar a bandeira da vida dos surdos, com a interpretação do tema "both side now" conta com a participação do coro "Mãos que cantam".

O cinema que traz também imagens, mas como sabemos vive muito da música, e ao vivo e em palco torna-se ainda mais poderosa com as imagens em fundo

15 anos da Lisbon Film Orchestra, domingo dia 4, de dezembro, na Super Bock Arena no Porto e dia 11, de dezembro, no Campo Pequeno em Lisboa.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de