Governo mantém redução das taxas do ISP apesar de queda nos preços dos combustíveis

Governo perspetiva, para a próxima semana, uma queda nos preços dos combustíveis de 0,17 cêntimos por litro de gasóleo e 0,13 cêntimos por litro de gasolina.

O Governo mantém a redução das taxas de ISP na próxima semana, mesmo com a previsível descida dos preços dos combustíveis. O Executivo perspetiva, para a próxima semana, uma queda nos preços dos combustíveis de 0,17 cêntimos por litro de gasóleo e 0,13 cêntimos por litro de gasolina. Apesar desta descida, o Ministério das Finanças explica que, como o mercado está por esta altura muito instável, vai manter os valores de descida no Imposto que foram decididos na semana passada.

"Para a próxima semana, perspetivando-se uma queda nos preços dos combustíveis na ordem dos 17 cêntimos por litro de gasóleo e 13 cêntimos por litro de gasolina, tal deveria resultar numa redução da receita do IVA que conduziria a um ajustamento das taxas unitárias do ISP em 2,6 cêntimos, no caso do gasóleo, e 2 cêntimos no caso da gasolina, de acordo com o mecanismo semanal de revisão dos valores das taxas unitárias", pode ler-se no comunicado do Governo.

Esta evolução do preço por litro "deveria resultar numa redução da receita do IVA que conduziria a um ajustamento das taxas unitárias do ISP em 2,6 cêntimos, no caso do gasóleo, e 2 cêntimos no caso da gasolina", tendo em conta o mecanismo semanal de revisão dos valores das taxas unitárias, que entrou em vigor na semana passada.

No entanto, e perante a "incerteza da evolução da conjuntura", bem como a expectativa de respostas coordenadas a nível europeu, o Governo decidiu que esta semana "não será feita a correspondente atualização de ISP [Imposto sobre Produtos Petrolíferos]".

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de