Diretas do PSD serão antecipadas. Rui Rio não será candidato e vai deixar o Parlamento

O Conselho Nacional vai reunir-se a 19 de fevereiro e Rui Rio aponta diretas para o final de junho ou início de julho.

Rui Rio confirmou que as diretas do partido deverão ser antecipadas e que não será candidato.

"Não sou o próximo candidato a PM pelo PSD. Eu não sou candidato nas próximas diretas", garante Rui Rio à saída da reunião da Comissão Política Nacional do PSD.

O ainda presidente dos sociais-democratas também informou que o Conselho Nacional se vai reunir no dia 19 de fevereiro em Barcelos. "Vamos ouvir o Conselho Nacional e o Conselho Nacional decidirá quando serão as próximas eleições", explicou.

"O Conselho Nacional deverá decidir a antecipação dessas eleições. Eu aceito qualquer data dentro do limite do razoável. Eu acho que o razoável é o partido resolver este problema no fim do primeiro semestre ou no início de julho", argumentou Rui Rio.

Ainda assim, Rui Rio assegura que irá assumir as suas funções até à saída. "O partido tem um presidente eleito e eu vou assumir tudo aquilo que tiver de ser assumido."

"Já tive oportunidade de dizer no domingo à noite, não vejo no quadro atual utilidade em continuar à frente do partido", voltou a assumir.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de