Marcelo deseja a Carlos III um reinado "tão feliz e tão bem-sucedido quanto o anterior"

Chefe de Estado assinalou que, depois do primeiro discurso do rei, foi possível perceber que "as instituições fundamentais do nosso aliado continuam".

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, desejou este sábado ao rei Carlos III um reinado "muito feliz, tão feliz e tão bem-sucedido quanto o anterior", da rainha Isabel II.

Na embaixada britânica em Lisboa, onde esteve para assinar o livro de condolências pela morte da monarca, Marcelo explicou que foi ao local por que fez questão, "apesar de ser fim de semana" de transmitir "em nome do povo português, formalmente, aquilo que à distância já tinha feito: dor, admiração, memória de duas visitas de Estado e do impulso que deu às relações entre os dois países".

O chefe de Estado recorda o jubileu de platina, que assinalou os 70 anos de reinado de Isabel II há poucos meses, como um momento "único e inesquecível na vida do nosso aliado mais antigo com projeção universal" e realçou que "mais nenhum estadista tinha a longevidade e experiência testemunhadas por sua majestade".

Num olhar sobre o futuro, e já a partir das palavras do novo rei Carlos III, Marcelo disse ser possível depreender que "as instituições fundamentais desse nosso aliado continuam, salvaguardando por um lado um legado histórico, por outro lado a estabilidade e por outro uma garantia para todo o mundo".

Nas curtas declarações aos jornalistas, o Presidente da República quis "formular o voto de que este novo reinado seja muito feliz, tão feliz e tão bem-sucedido quanto o anterior, num mundo com condições particularmente difíceis".

Isabel II, recordou, iniciou o seu reinado "no pós-guerra, numa ocasião em que se estava longe da aparente situação de crescimento ilimitado e prosperidade quase infinita, como se chegou a pensar nos anos 1960".

"Que este reinado seja muito feliz. Se o for para o Reino Unido, será para todos nós e também para Portugal", rematou.

Desafiado a comentar o novo ministro da Saúde - a quem deu posse esta tarde -, Marcelo remeteu novas declarações para outros pontos de agenda a cumprir esta semana.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de