Suspeita de fogo a bordo obriga avião a aterrar de emergência no Aeroporto de Faro

No local estiveram 80 operacionais e 34 veículos.

Um avião Airbus A320 da companhia EasyJet foi obrigado a fazer uma aterragem de emergência no Aeroporto de Faro esta segunda-feira à noite. Em causa esteve um alerta no cockpit por suspeita de fumo ou fogo no voo.

O avião partia de Faro rumo a Glasgow, na Escócia, mas teve de voltar para trás pouco depois de descolar, por volta das 22h00.

Fonte da Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro explicou à TSF que no local estiveram 80 operacionais e 34 veículos.

Depois de ativado o alerta vermelho, o avião aterrou em segurança e nas primeiras vistorias não foi identificado nenhum foco de incêndio. Vão ainda ser realizadas outras análises ao aparelho.

Fonte da NAV Portugal confirmou à TSF que os cerca de 190 passageiros viajam para Glasgow às 00h45, noutro avião.

Os dados de voo do Airbus A320 mostram que a aeronave circulou a região do Algarve durante alguns minutos antes de regressar ao Aeroporto de Faro.

Notícia atualizada às 8h45 de dia 26 de julho

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de