"A Terra está doente." Os desafios ambientais e a "urgência" de "investir" no planeta

"A Terra está doente." Os desafios ambientais e a "urgência" de "investir" no planeta

O Dia da Terra assinala-se no próximo sábado, a 22 de abril, e, por isso, no Verdes Hábitos desta semana abordamos os principais problemas ambientais do planeta: as alterações climáticas, a poluição e o consumismo. Susana Fonseca, da associação ambientalista Zero, faz o diagnóstico da saúde do planeta Terra, considerando que os seus limites não têm sido respeitados, e alerta para a necessidade de se preservar os recursos naturais e os ecossistemas.

Limitar aquecimento global a 1,5 graus: há luz ao fundo do túnel?

Limitar aquecimento global a 1,5 graus: há luz ao fundo do túnel?

Reduzir as emissões de gases com efeito de estufa para metade até 2030 e respeitar o limite de temperatura global de 1,5 ºC: são estes os alertas presentes no novo relatório do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas. No Verdes Hábitos desta semana, Francisco Ferreira, da associação ambientalista Zero, considera que este documento é como um "manual" que mostra o "caminho" para mitigar os efeitos do clima em mudança. Um desses caminhos passa, segundo o especialista, pela "enorme aposta" nas energias renováveis e na eficiência energética.

Produção e consumo mais sustentáveis. Como a UE pretende travar a desflorestação?

Produção e consumo mais sustentáveis. Como a UE pretende travar a desflorestação?

Por ano, são destruídos mais de dez milhões de hectares de floresta, algo que contribui "ainda mais" para a crise climática. No Verdes Hábitos desta semana, Susana Fonseca, da associação ambientalista Zero, explica que a prioridade deve ser "a transição para uma produção mais sustentável" e, tendo isso em conta, o regulamento europeu, que tem como objetivo a proibição da importação de produtos que causam a desflorestação, como o cacau, o café ou a soja, é "muito relevante e inovador em vários aspetos".