Christine Ourmieres-Widener, CEO da TAP

"Em 2025, TAP será sustentável e lucrativa." CEO quer futuro em conjunto com sindicatos

Christine Ourmières-Widener, presidente executiva da TAP, avisa que o primeiro ano de vida do plano de reestruturação da transportadora é decisivo para o futuro da empresa. Numa altura em que reforçou, este mês, as ligações com destino a São Paulo e Rio de Janeiro, a partir do aeroporto do Porto, a responsável da transportadora admite que a situação não é fácil para ninguém, mas deixa avisos à navegação. Quanto ao caos nos aeroportos, a situação já atingiu o pico.